Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2013

Eu tenho um Sonho

EU TENHO UM SONHO Martin Luther King (1929-1968) Discurso de Martin Luther King, "Eu tenho um sonho", em 28 de agosto de 1963, na enorme concentração pelos direitos civis de afro-americanos, em Washington, DC. "Eu estou contente em unir-me com vocês no dia que entrará para a história como a maior demonstração pela liberdade na história de nossa nação. Cem anos atrás, um grande americano, na qual estamos sob sua simbólica sombra, assinou a Proclamação de Emancipação. Esse importante decreto veio como um grande farol de esperança para milhões de escravos negros que tinham murchados nas chamas da injustiça. Ele veio como uma alvorada para terminar a longa noite de seus cativeiros. Mas cem anos depois, o Negro ainda não é livre. Cem anos depois, a vida do Negro ainda é tristemente inválida pelas algemas da segregação e as cadeias de discriminação. Cem anos depois, o Negro vive em uma ilha só de pobreza no meio de um vasto oceano de prosperidade material.

A Visita

Bela canção do músico capixaba Lúcio da Silva Souza , ou simplesmente SILVA : Vou lhe fazer uma visita Mas não fique assim, aflita Que eu não sou de reparar Não precisa de banquete Nem preocupe com enfeite Não me vá empetecar E os velhos discos de bolero Tô levando pois eu quero Lhe ensinar como dançar E dizer-lhe ao pé do ouvido Com um tom meio atrevido: "dois pra lá e dois pra cá" Vou lhe fazer outra visita Pra lhe ver, assim, bonita Ir correndo ao portão Decorou o tal bolero? Vem cantando em tom sincero Sequestrando minha atenção A radiola está no jeito Lhe aproximo do meu peito Repetindo a tentação "são dois pra lá e dois pra cá" Você vai ver no que dá Cantar de novo esse refrão Olha pra junto dos meus pés Você consegue reparar No tempo de nós dois E ver que assim como se dança O passo é feito de esperança Espero amar depois